Amor e outras guerras

Pages

terça-feira, 17 de janeiro de 2012


Alguma coisa ainda prende


Não sei dizer o que, mais é difícil pra mim aceitar e desapegar. Alguma coisa ainda prende. Não sei se é amor, costume ou quem sabe carinho? É, definitivamente eu não sei. Só sei que meu coração grita feito um louco quando ver algo relacionado a você e a razão, ah essa eu nem falo. Pois a emoção não dá espaço pra ela. Mais sabe, Dói, dói ver que realmente chegamos ao nosso fim. Sim, é o fim pois EU quero que seja. Mas alguma coisa ainda prende. Pior é que sempre tem uma saudade ou uma lembrança que me desperta a vontade de te ligar, de te gritar, de largar todo meu orgulho e ir atrás. Mas ai eu lembro o quanto você me fez sofrer, e mas, ai eu também me lembro o quanto fui feliz contigo. Sabe, no inicio era tudo tão bom, mais ai começou aparecer as mentiras, as brigas sem razões e a temida rotina. Ao contrario do que eu imaginava, nosso amor não era maior que tudo. Não foi capaz de passar por cima de todas as barreiras. Então desistimos. É estranho, nunca pensei que chegaríamos a esse ponto, mais o fato é que alguma coisa ainda prende. Maldita preocupação, maldito carinho, maldita saudade. Você não merece, ou merece? Talvez se eu fosse menos indecisa... Será que é a indecisão que prende? É ISSO! Pelo menos algo está decidido: é a indecisão que está me prendendo. "Desapega garota, pratique a arte de Desapegar"; conselho de um amigo que com certeza não entende como é difícil praticar essa arte. Como eu queria que nada prendesse, mas infelizmente, a indecisão ainda prende.  É, ela prende e me machuca cada dia mais.
3

Quer mesmo saber qual é o meu problema?



Eu te amo, eu amo a maneira como me olha, como me beija.  Ah e como eu amo  o jeito que  eu posso esta tendo os piores dos piores dia da minha vida e ver você mudar completamente meu humor, assim do nada apenas com um sorriso. É esse o meu problema.
0

Chorar




Eu particulamente gosto! me alivia, me faz sentir mais leve... Não importo que me chamem de fraca em relação a isso. Eu sou chorona e não tenho vergonha de dizer. Não me orgulho, claro, mais também não escondo.  Sim,  já deixei por diversas  vezes de chorar em tal momento pra chorar no banho,  você liga o chuveira a aquela agua caindo suavemente...  aquele barulinho e entãoe você desaba, chora mesmo.  Libera o que esta te sufocando. Gente que diz, chorar pra que? Isso não adianta nada. Na moral, na minha opinião chorar resolve sim ! Só o alivio que sinto já me é muito gratificante.  Issó não é masoquismo, definitivamente não mesmo.  É apenas um modo que eu encontrei de me sentir melhor e conviver com e a dor. 
0

domingo, 23 de outubro de 2011


se de algum jeito eu ainda for importante pra você, favor me avisar


não aguento mais ficar sem saber o que se passa nessa sua cabeça. Sem saber noticias suas, sem falar com você, sem poder te abraçar, te beijar (...) As vezes chego a pensar que ainda gosta de mim, que sente também a minha falta, só não voltou atrás ainda por que assim como eu dar o braço a torce é complicado.  O que mais nos atrapalha é o nosso orgulho. Somos muito orgulhosos e isso complica tudo. Sempre quando brigávamos voltávamos atras, por que nada era maior que nosso amor e uma briga boba não iria nos separar. E pensávamos que seria sempre assim, afinal, brigar faz parte. Mais não foi assim. Não foi como nós esperávamos. Em uma briga dessas agente nunca mais se falou.
2

domingo, 2 de outubro de 2011


Alguém como você


Sabe, ainda lembro como era quando estávamos juntos. De como as coisas eram mais fáceis, de como eu enfrentava tudo e todos com apenas umas das suas mãos segurando a minha. Como era bom sair por ai e zoar sem se preocupar com ninguém. Aprendi que é sempre melhor quando há alguém como você do lado, que as coisas mudam totalmente e até o meu rumo muda. Sabe aquelas piadinha idiotas, aquelas palhaçadas mais idiotas ainda? Então, era tudo tão mais engraçadas quando você estava aqui do meu lado rindo e me fazendo sorrir. Você era a pessoa que me ajudava a tomar as decisões que eu julgava ser impossíveis. Com você do meu lado eu não temia nada e nem ninguém. E sabe aqueles planos e sonhos que prometemos realizar? Pois é, eu ainda estou aqui, tá? Ainda estou te esperando como quando éramos quase a mesma pessoa.

7

Alguém pra chamar de meu




sempre tentei fugir dos clichês, mais o que eu vou falar agora não tem como fugir: sabe, mesmo eu dando uma de durona as vezes, dizendo que não acredito em amor verdadeiro eu quero sim alguém pra chamar de meu, um  companheiro, um amor verdadeiro, quero mais que um namorado, quero um amigo a quem posso confiar os meus mais terríveis segredos. Quero alguém que me mande sms pela madrugada dizendo que esta pensando em nós, que não consegue dormir de ansiedade por que amanhã está próxima e logo nos veremos novamente. Quero alguém que me entenda a cima de tudo. Sabe aquela pessoa que quando eu menos merecer vai está ao meu lado? então quero ela pra mim. Que me de carinho, que me de atenção. Quero muito alguém pra me mostrar o que é realmente está apaixonado, que me faça sentir borboletas no estomago, se é que me entende, rs. Alguém que não precise ser uma data comemorativa pra me dar flores. Não quero alguém que esteja comigo só nos meus melhores momentos, quero ele comigo nos piores também, me confortando, dizendo que passaremos por essa juntos e que juntos ficaremos daqui a eternidade. Quero alguém que me ame de verdade, é pedir de mais ou dá pra ser? e se der pra ser, por favor que seja logo, não aguento mais apenas sonhar.

0

sábado, 1 de outubro de 2011


Eu realmente lamento pela humanidade


Garotos escrotos que dão em cima de tudo que se move.  Homofobia. Garotas de treze anos que se vestem como vadias. Colírios CH. Drogas. Abortos. Pessoas que cortam os pulsos. Padres pedófilos. Pedofilia em geral. Pais que matam filhos. Filhos que matam pais. Pessoas que maltratam crianças. Pessoas que maltratam animais. Pessoas que não têm respeito pelas outras. Pessoas racistas. Campos de concentração. Ditadura Militar. Garotas que querem ser anorexias. Adultério. Divórcio. Padrões da sociedade que fazem garotas lindas de 14 anos se tornarem depressivas . Gente que julga sem conhecer. Pessoas que puxam briga por qualquer assunto. Pessoas que mentem para aparecer. Fofocas. Pessoas que dizem “Ler pra quê”. Pessoas que não acreditam em Deus. AONDE SERÁ QUE VAMOS PARAR COM TUDO ISSO?
0
Tecnologia do Blogger.
Ocorreu um erro neste gadget